Páginas

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Comparando a chuva com o avivamento!

Boa parte do Brasil tem sofrido nesses últimos dias devido e estiagem. A falta de chuva, tem feito as temperaturas aumentarem e o tempo seco predomina!

Aqui em Campinas, o tempo atual, tem quebrado recordes… inclusive eu ouvi no radio, que nunca, nos últimos 25 anos, a temperatura tem estado tão alta, nessa época do ano!

Isso tem afetado diretamente a lavoura e o agronegócio! Você já viu por quanto estão vendendo UM pé de alface??? Ridículo!!!

Pastor Edinaldo, responsável por nossa Igreja na Cidade de Hortolândia, tem uma micro empresa que lida com isso! Ele pega verduras e distribui nas grandes redes do varejo…

Falando com ele essa semana, ele me disse que grande plantadores de nossa Cidade foram a falência… De acordo com o que ele me disse, tem gente em Campinas, que perdeu milhões de reais só esse ano!!! É muito dinheiro.

Foi aí, que eu perguntei a ele (eu e minhas ideias), porque esses empresários-plantadores não investem em irrigação artificial? Já que não tem chuva, “molhe com mangueira” – pensei eu!!!

Foi ai que ele me explicou algo bem interessante… Ele me disse que a irrigação artificial NÃO SUBSTITUI as chuvas!!!! O clima, o tempo, as chuvas… isso não tem como substituir!

Ele me disse, que o maior e melhor agrotóxico e pesticida, é a chuva!!! A chuva limpa a planta e purifica ela de insetos e pestes.

Veja que interessante… ele me disse que até aquele vento úmido e frio que antecede a chuva, prepara a planta e a terra para receber a água da chuva! Quando a planta é irrigada artificialmente, a terra está tão quente e seca, que a água se torna um veneno para a planta!!! A água, colocada artificialmente na planta, acaba queimando as folhas!

A irrigação artificial, é um acréscimo… não um substituto a chuva!!!

Depois dessa conversa, fiquei a pensar de como Deus é perfeito!!! Até a questão da agricultura está no controle de Deus!

… espiritualmente a coisa é bem semelhante! Não existe substitutos a “chuva espiritual”! Todo o que é artificial (espiritualmente falando), só piora as coisas! 

Também, ao pensar no preparativo que o tempo proporciona, para que a terra receba a água dos céus… me fez entender de que avivamento não pode ser “direto”, instantâneo ou de repente!!! Tem que haver um tempo de preparação…

Disso eu sou testemunha, pois já viu muito “fogo de palha”, “chuva de homem”, “avivamento falso” que ´só trouxe destruição para o povo de Deus!!!

Avivamento, é algo que precisa ser cultivado, preparado e esperado… e aquele período “pré avivamento”, é importante pois torna o resultado do avivamento duradouro e sadio!!!!

A Bíblia fala das “chuvas temporãs”! As ultimas chuvas que cairão sobre a Igreja… quando elas vieram, eu quero  que venham de Deus, na hora certa e da maneira certa… eu quero estar preparado!

Robert Cleveland Lambeth

3 comentários:

  1. Muito interessante, e confesso que aprendi muito com tudo isso!!

    ResponderExcluir
  2. Amém Bispo, gostei muito desta postagem e confesso que aprendi muito também!!!
    Eu e meu esposo o irmão Alexandro Lopes estamos sempre dando uma olhadinha em suas postagens e ele gosta muito, se identifica e aprendi muito!!!
    Obrigada Bispo por suas postagens!!!

    ResponderExcluir
  3. Como bom visitar o seu blog Bispo Robert.
    Passe o tempo que passar podemos encontrar palavras que vem de encontro a nossas necessidades.
    Este dom que Senhor Jesus tem dado ao senhor é muito precioso.
    Um grande abraço a toda família.
    E obrigada!!!!

    ResponderExcluir