Páginas

segunda-feira, 25 de março de 2013

O dia que tudo mudou…

O dia 27 de Janeiro de 2013, para muitos, passa como sendo um dia normal como qualquer outro. Todavia, esse dia, foi um marco divisor, mesmo que inconsciente,  para todos principalmente para as Igrejas. Nesse dia, a Boate Kiss, de Santa Maria-RS, pegou fogo matando 241 pessoas e ferindo 123.

No decorrer dos dias, essa tragédia atingiu todo o Brasil e o mundo. Nunca se falou tanto de um incêndio como esse. Inclusive, pessoas de outros países vieram ao Brasil ajudar a elucidar essa tragédia. Hoje, quase dois meses depois… ainda se comenta esse fato com muita veemência!

Mas o que assusta, foi a conclusão que a justiça chegou  semana passada. Ministério Publico, com mais 5 delegados finalizaram o inquérito e ele foi apresentado a justiça! Note o curioso: 16 pessoas foram indiciadas… entre elas, o Prefeito Cezar Schirmer e o comandante dos Bombeiros de Santa Maria Moisés Fuchs.

Em síntese, o que isso significa, é que a Policia entende que o crime aconteceu, porque a administração municipal foi omissa em seu trabalho!

Os delegados e promotores, entendem de que a Boate queimou, porque o prefeito não fez bem o seu trabalho de fiscalização (e os bombeiros idem)! Isso assusta, pois abre-se um precedente em todo o Brasil, que força os Prefeitos e outras autoridades a serem mais rígidas, no sentido de evitar no futuro eles serem culpados de outras tragédias. Isso NUNCA aconteceu em nosso País! Nunca um prefeito, foi indiciado, por um “acidente” em seu Município!

E aonde que isso afeta as Igrejas? Bem, permita-me fazer algumas colocações:

  1. As Igrejas sempre foram alvos de fiscalização e perseguição. Ou seja pelo barulho, ou pelo deslocamento de transito e etc.… Agora, os perseguidores, tem uma boa “desculpa” para bater na porta de sua Congregação!
  2. Menos de 10% das Igrejas no Brasil possuem Alvará de funcionamento… (isso inclui todas até a Católica). Isso quer dizer que somos alvos fáceis…
  3. No meu ver, Igrejas no geral não precisariam de alvará de funcionamento, se elas ao menos respeitassem as leis da “boa vizinhança”! Contudo, se outros locais que agremiam pessoas precisam ter alvará, tecnicamente a Igreja também deveria de ter.

Eu creio que daqui para frente, veremos um rigor maior contra as Igrejas. Afinal de contas… abriu-se um precedente… uma porta foi aberta: PREFEITOS SÃO CO-RESPONSÁVEIS PELOS ATOS E FATOS DOS SEUS MUNICIPIOS… Com isso, pode crer, eles vão fazer valer as leis e as exigências de suas legislações!

Em Campinas essa semana, a Prefeitura anunciou a operação “arrastão religioso”. Nela a prefeitura vai bater na porta dos 3.564 templos de nossa Cidade! Estamos preparados? O tempo do Brasil arcaico e “facil de lidar” acabou! Mais e mais, vemos os oponentes do povo de Deus tomando posse a pose, e agora, eles tem a lei a seu favor! A perseguição está por começar! Prepare-se!

Bispo Robert Cleveland Lambeth

Nenhum comentário:

Postar um comentário