Páginas

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

O poder da Amargura!

Em Heb 12:15 – “Tenha cuidado de que nenhuma raiz de amargura brote em seu coração, pois por ela muitos serão contaminados! “

Nos últimos dois capítulos de Hebreus o escritor dá vários conselhos… entre eles esse acima escrito! Note de que o Apostolo dá uma dica, de que não devemos deixar a amargura entrar em nosso coração… e por fim ele completa dando-nos uma ideia de quão poderoso é esse sentimento: “MUITOS ACABAM SENDO CONTAMINADOS”!

Em outras palavras, não é só aquele que deixa entrar a amargura no coração que sofre… Mas MUITOS acabam sendo afetados!

A amargura é um sentimento muito forte! É tão forte, que se torna um veneno mortal! Eu já vi pessoas morrerem, vitimas desse mal! Inclusive, eu já tive que lutar contra esse sentimento e confesso, que ele não é fácil de dominar!

Usualmente, a amargura é fruto de um sentimento de injustiça! Logo quando nos sentimos mal falados, ou mal tratados ou injustiçados… criamos raiva e ódio em nosso coração! Se essas pequenas sementes não são dominadas, elas acabam se transformando em raiz… e é raiz de amargura!

Alguém já provou algo amargo? Amargo como limão? Não tem como não fazer cara feia, quando esse gosto entra na boca! Normalmente pessoas com amargura no coração, não são felizes, não sorriem, não vivem e logo morrem!

O triste da história, é que esse amargo é tão forte, de que afeita até as pessoas inocentes em sua volta… esposa, marido, filhos, amigos e irmãos da Igreja!  (É O TAL DE FERMENTO!) Uma pessoa infeliz e amargurada, pode afetar todo o sentimento de uma congregação! (creia nisso, pois eu já vi isso acontecer)

Se você hoje, é vitima desse sentimento… procure superar isso! Pois além de você estar morrendo, você está matando as pessoas boas que lhe rodeiam!

No meu ver… a única coisa que pode matar esse sentimento é o perdão e uma dose boa do Espirito Santo! Perdoe quem lhe ofendeu… E tome um banho com a glória de Deus!

Robert Cleveland Lambeth

Nenhum comentário:

Postar um comentário