Páginas

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

A história se repete!

O que eu vou escrever hoje, não é novidade! Inclusive, eu já escrevi outros artigos dentro desse mesmo tema, nesse mesmo blog! Mas é algo pertinente e que vale a pena ser repetido (pois serve de lição para todos nós).

Já fazia uns 8 meses que não andava de avião dentro do Brasil. E agora nos últimos 10 dias, tenho usado esse meio de transporte 4 vezes, e em todas as viagens que fiz, usei a Azul Linhas Aéreas. Eu sempre gostei da Azul – pois os equipamentos eram novos, atendimento bom e voos pontuais.

Mas manter um padrão é MUITO COMPLICADO! Nas ultimas 3 vezes que viajei com eles nessa semana, notei um decréscimo muito grande em todos os sentidos! Fiquei muito chateado pelo mau atendimento que recebi! Fiquei decepcionado em ver aeronaves sujas e voos atrasados!

É como eu sempre digo: COMEÇAR BEM, É FACIL! NO COMEÇO TUDO É NOVIDADE… O desafio é a manutenção! Manter um padrão, manter um alto nível de qualidade! ISSO SIM É COMPLICADO!

Não vou dizer com isso, que não voarei mais com a Azul, ou de que ela não é uma boa empresa aérea! Só estou dizendo que essa pequena ilustração relata com clareza o que eu sempre estou dizendo! Ter dinheiro, estrutura, influencia… Nada disso garante qualidade e longevidade! Os grandes também caem… os grandes também fracassam!

Ter e ser uma empresa de qualidade, exige supervisão constante! Nada que é bom acontece por acaso… alguém tem que estar em cima! Atento, com as mãos na roda, fazendo tudo, para manter o padrão que agrada o cliente!

Na igreja o principio é o mesmo! Pastores preguiçosos, obreiros que não tem visão, membros que não pegam junto… tudo isso ajuda o fracasso!  Pode-se ter um grande templo, muito dinheiro… Mas ter qualidade, não provem dessas coisas! Qualidade é um estado de espirito!

É por isso, que eu trabalho 24 horas por dia, 7 dias por semana, 12 meses por ano… em prol da obra de Deus! E mesmo com tudo que a gente faz, ainda assim tem tantas áreas que precisamos melhorar!

Resumindo tudo… A LUTA NUNCA PARA! NUNCA SE PODE DIZER:CHEGAMOS AO TOPO – SEMPRE TEM ALGO A MAIS A SER CONQUISTADO!

Robert Cleveland Lambeth

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Eu Preciso de um Inverno!

Sou uma pessoa de fácil adaptação! Exemplo disso, é que em 15 anos me sinto um Campineiro de nascença. Aqui agora é a minha terra e meu povo!

Mas não posso negar, de que ainda sinto falta de algumas coisas – PRINCIPALMENTE DO INVERNO!

Todo mundo precisa de um inverno! Um tempo de recolhimento, reflexão e recomposição.

Veja bem, todo motor tem que descansar um pouco (senão ele fundi). Toda a máquina tem que ser desligada de vez enquanto! Até a geladeira, as vezes tem que ser deligada para desgelar!

Assim também é o homem! Eu sei que o meu chamado exige de mim atenção e foco 24 horas por dia. Sei que um “Levita” não tem herança nem férias (conforme Levíticos), mas mesmo assim, a gente precisa de época em época desacelerar! Precisamos de um inverno!

No inverno…

  • A gente dorme melhor!
  • A digestão do alimento é melhor
  • As noites são mais longas e os dias mais curtos

INVERNO É UM TEMPO DE RECUPERAÇÃO!

Espiritualmente falando esse tempo seria um tempo de

  • Reflexão
  • Meditação
  • Leitura
  • Família
  • Saúde pessoal!

Espero que você não esteja pensando, de que a minha referencia ao Inverno, resume-se apenas a questão climática! O inverno literal, representa o “inverno emocional”! Eu sinto falta dos dois!

Robert Cleveland Lambeth

*** Eu poderia entrar em todas as questões técnicas ligadas ao Inverno -  A NATUREZA EM SI, TESTIFICA DA IMPORTANCIA DO INVERNO – ISSO É PROVADO PELA CIENCIA! De qualquer maneira, acho que deu para provar meu ponto!

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

A história da vida de MUITA GENTE!

Attachment-1

TRADUÇÃO (em síntese):

  • 1 QUADRO: Bem, estou quase pronto com esse projeto! Só faltam mais algumas horas, e tudo estará concluído.
  • 2 QUADRO: Ah espere… tive uma ideia!
  • 3 QUADRO: Vou usar um pouco dessa madeira, e construir algo por divertimento!
  • 4 QUADRO: Assobiando (despreocupado)!
  • 5 QUADRO: Personagem II pergunta: começando um outro projeto? Resposta: sim, é que o meu outro projeto já está quase concluído, decidi usar essas madeiras e ver como se saia!

Note na ultima foto, de quantos projetos aquele homem começou e não terminou! Veja quanta coisa pela metade! Projetos, projetos, projetos – ASSIM É A VIDA DE MUITAS PESSOAS! Nunca concluem nada… sempre inventando coisas novas, projetos novos, ideias novas e as velhas sempre PELA METADE!

CRIE UM HABITO de nunca iniciar nada novo, sem concluir o projeto velho! Isso é regra de vida! Seja uma pessoa eficaz, alguém que tem a marca de “PROJETOS CONCLUIDOS”!

Pessoas como o homem da charge, vivem uma vida de frustração e usualmente acabam sempre culpando as circunstancias ao seu redor, quando na verdade o verdadeiro problema são eles mesmos!

Pense nisso

Robert Cleveland Lambeth

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Martelo do diabo!

1Co 10:12  Aquele, pois, que pensa estar em pé, cuidado para que não caia.

Num shopping aqui em Campinas, tem um brinquedo de criança, onde a cabeça de alguns bicho saltam para fora, e a criança tem que pegar um martelo de borracha e bater em cada cabeça a cada vez que ela surge (difícil explicar em palavras – abaixo uma foto de um brinquedo semelhante – não era bem esse, mas o principio é o mesmo).

Ao olhar esse brinquedo, me lembrei da escritura acima! Isso porque, nos últimos dias, tenho visto o diabo dando marteladas na cabeça de tantos crentes e os derrubando – E ESTOU APAVORADO! Como podemos cair tão facilmente? Porque o inimigo tem tanta força assim?

Em tempos assim, o segredo é fazer o que o Apostolo falou – CUIDADO! Cuidar, vigiar, estar atento, e não dar lado ao inimigo!

Esses dias, alguém me falou de uma pessoa que depois de 30 anos servindo a Deus, está desanimada e querendo sair da igreja! Eu vou falar o que? Vou dizer o que? Se em 30 anos de crente, Deus tem tão pouco valor para essa pessoa, a ponto que ela está disposta a sair da Igreja??? Meu Deus!!! Quem sou eu? Sou maior que Deus? Sou mais poderoso que que Cristo? De maneira nenhuma… e a pessoa sequer pensar em deixar Jesus, o que tenho eu a oferecer para essa pessoa como barganha para ficar??? NADA!

Pense nisso.

Robert Cleveland Lambeth