Páginas

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Onde estão os desbravadores?

David Livingstone, o grande e famoso missionário na África, depois de muitos anos de luta e árduo trabalho para Deus (naquele continente árido e seco), voltou á América a fim de achar um substituto para o seu trabalho. Ele visitou um grande seminário, e lá expos aos alunos o seu “peso” e a sua visão de evangelismo para aquele País. Ele tentou de todas as formas, ascender a chama que ele tinha, no coração de algum aluno. Afinal de contas, ele já estava velho e cansado e precisa de um voluntário que se dispusesse a ir e dar continuidade aquela obra. Depois de abrir o seu coração àqueles alunos, houve silencio completo na sala de aula! Ele gritou: “será que ninguém quer ir e fazer a obra de Deus, nesse lugar tão necessitado”? Depois de mais alguns instantes de silencio, um aluno disse ao missionário: “se tiver uma estrada, que me leve a esse lugar, eu irei”! A famosa resposta desse grande Missionário foi: “Deus está a procura de homens que vão aonde não há estradas”! Eu me lembrei dessa velha história essa semana! Talvez porque tenho andado preocupado, com o gradual enfraquecimento e desaparecimento dos “desbravadores” da obra de Deus. Não quero ficar remoendo a morte de minha mãe, mas essa semana tenho pensado muito, naqueles “heróis” que já partiram para o Senhor... e de certa forma, esses que marcaram a nossa vida e memória, são aqueles “abridores de estradas”, esses “bandeirantes”, que não mediram esforços para ver o reino de Deus progredir. Quem vai substitui-los? Graças a Deus, pelos mantenedores, aqueles que cuidam, das “hortas” espirituais, mas precisamos de plantadores. Regadores são bons e importantes, mas precisamos de lavradores... Nossos seminários produzem excelentes pregadores e nossas Igrejas estão cheias de pessoas com o “dom da palavra”, mas amigos, isso não é o suficiente! Onde estão aqueles que se dispõe a largar tudo e dizer: eu vou! Onde estão os missionários, onde estão os desbravadores? Uma coisa eu lhe digo e podes marcar, a maior carência da Igreja nesses últimos dias, são pessoas que dizem SIM (ao chamado desse velho missionário chamado Espírito Santo).
Robert Cleveland Lambeth

Aniversário de 2 anos do Pr. Ivan Esmeraldino / Iati, PE



Nesses meus dias de luto (sem muita inspiração), estou postando algumas fotos que recebi do meu amigo Pr. Ivan Esmeraldino, da sua festa de 2 anos como Pastor na Cidade de Iati, PE - Parabéns amigo...






terça-feira, 22 de setembro de 2009

Meu tributo

Hoje a humanidade perde uma de suas mais influentes mulheres (no mundo espiritual) da atualidade. Partiu para o Senhor, a Sra. Wanda Louise Lambeth, carinhosamente chamada de mãe (por muitos, especialmente por mim). Ela era a nossa “Missionária”, mulher de Deus, que ajudou a fundar uma das maiores Igrejas Apostólica do mundo, aqui no Brasil. Ela, ao lado do Apostolo J.B Lambeth, foram os pioneiros do movimento Pentecostal Apostólico Conservador na América Latina. Sim, ela era minha mãe... mas ela era muito mais do que isso! Eu acho que a maior qualidade dela sempre foi: “saber se colocar no seu lugar”. Aos que conheceram ela, sabem que ela nunca foi uma mulher de frente (mas todos sempre sabiam quando ela estava presente), pois ela tinha algo especial em sua vida. Não ela não era “pregadora”, mas como NÃO dizer: “sim, ela era pregadora!”. Com mais de 50 anos de Ministério, ao lado do Apostolo, ela abriu Igrejas, evangelizou cidades, pregou salvação e amou o povo Brasileiro de uma forma especial. Ela deixa a sua marca... a marca de uma mulher de Deus! Outra grande virtude que ela tinha, era com relação a habilidade de ensinar a palavra de Deus. Ninguém nunca deu aula de Dons Espirituais como ela... talvez por que ela conhecia os por menores desse tema (ela tinha insight), afinal de contas, ela era uma Profetiza. Foi ela que muitos anos atrás, traduziu pela PRIMEIRA vez o curso de “Em Busca da Verdade”, e quantos será que não foram ganhos para Jesus, por meio desse curso??? Sim a coroa dela será grande... eu poderia usar esse espaço, para escrever como filho, relatando por menores de nossa vida juntos, mas preferi escrever como servo, admirador, aluno e fã! Ela era demais!!! Ela nos deixa um legado de visão e exemplo espiritual... ela deixa um vazio que jamais será preenchido... por ninguém! Eu te amo mãe, e para sempre te terei em meu coração... e o melhor de tudo, eu sei que a senhora me amava também! Ela sempre dizia do orgulho dela em me ter como filho... vou parar por aqui... estou chorando, não consigo continuar! Até breve Mãe... (aliás, professora!) Te amo demais...
Robert Lambeth
Teu filho e teu aluno...
OBS: temos muitos blogs e sites, com as fotos do funeral. Eu não vou postar nenhuma delas aqui, porque eu mesmo não tirei nenhuma foto dos dois grandes cultos que tivemos (um em Campinas e o outro em Esteio). No blog do UFA, já tem fotos do culto em Campinas! Foi realmente algo muito impressionate.

domingo, 20 de setembro de 2009

Uma perda irreparável







Uma grande guerreria hoje descansa no Senhor! Nunca esqueremos o grande exemplo deixado por você, Mamãe!

sábado, 19 de setembro de 2009

A Porta...

Hoje ao descer o corredor do hospital Santa Tereza (como tenho feito todos os dias), indo em direção da UTI (visitar minha mãe), ouvi um choro! Não era um choro comum, de tristeza e agonia, mas sim, um choro de alegria e jubilo! Ao me aproximar da UTI, percebi o grupo aglomerado na porta, e todos eles estavam jubilosamente olhando pelo vidro, o novo bebe que acabara de nascer. Eram os pais, avós e familiares, observando o primeiro banho do “novo bebe”. Todos choravam copiosamente... Inclusive o bebe! Que coisa linda. Ao me virar, para entrar na UTI, percebi pela primeira vez, que a única coisa que separa o berçário da UTI (neste hospital) é uma porta! Ao entrar no recinto gelado da unidade de tratamento intensivo, vi outro grupo... chorando! Eram pais, avós e familiares de um jovem, que estava passando desta vida para outra. Dois grupos, dois choros, dois sentimentos e a única coisa para separá-los era uma porta! Nesses últimos dias, eu e minha família, temos estado numa “montanha russa” emocional muito grande... cada dia uma novidade (às vezes boa, às vezes não). Isso tem gerado em mim, muitas ponderações: A vida é tão frágil! Ao olhar minha mãe, lutando pelo próximo fôlego, ainda ecoava em meus ouvidos, o som desses “choros”, (alegria misturada com tristeza)... e no meio deles: uma porta! A verdade é que nessa vida, o que separa as nossas alegrias, das nossas tristezas é pouca coisa! Salomão disse em Eclesiastes: “apliquei o meu coração a esquadrinhar e a informar-me de toda a sabedoria e de tudo que acontece debaixo do céu, e vi que tudo era vaidade (ou vazio)” (1:13). A vida é cheia de incógnitas, coisas que não entendemos, tristezas e alegrias, vida e morte, vitória e derrota, uns indo e outros vindo, uns do lado de cá e outros do lado de lá... da porta!
Robert Cleveland Lambeth

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Os Heróis Desconhecidos!

Aristarco, Tiquico, Epafras, Zenas, Silvano, Aquila, Priscila, Estefanas, Fortunato, Gaio, Lúcio, Jasom, Sosíprato, Erasto, Herodião, nomes estranhos e desconhecidos pela maioria! Afinal de conta, quem são essas pessoas? Bem, esses são “personagens desconhecidos” na história da Igreja! É como Epafrodito, sobre quem Paulo disse: “meu irmão, cooperador e companheiro nas lutas, ele me socorreu nas minhas necessidades” (Fil 2:25). Veja bem, a Biblia está cheia de nomes de pessoas, que são mencionadas apenas uma ou duas vezes, mas que deixaram uma marca positiva, ao ajudar os “heróis bíblicos” cumprirem os seus papeis! Nós sempre falamos e lembramos de Abraão, Moises, Elias, Davi, João, Pedro e Paulo, entre outros, mas no meio das páginas e entre as linhas, encontramos a referencia feita a uma pessoa, que com o seu gesto de bondade, ajudou a Igreja crescer! A obra do Senhor, não é feita somente de pessoas “conhecidas” (pessoas de frente). Aliás, se pararmos para pensar, veremos que a Igreja chegou até aqui, porque houve pessoas (centenas delas) ao redor do mundo (que nunca apareceram ou foram notadas), mas que pagaram o preço em favor do progresso da Igreja. Uma viúva, um senhor, um jovem... um co-adjuvante, que anonimamente ajudou a escrever a história da Igreja. É como a irmã Patty (nem sei o sobre nome dela!), que 45 anos atrás, juntou dinheiro para enviar ao Brasil uma “corneta” que foi colocada em cima da Sede Nacional de nossa Igreja (a qual era usada para pregar a palavra de Deus e divulgar as atividades da Igreja). Quantas almas será que a irmã Patty (essa desconhecida) ajudou a ganhar para o Senhor Jesus através desse gesto??? Ou podemos falar de Henryque Kodek, um Judeu, que durante o inicio da revolução de 64, levava todos os dias pão e leite, a um casal de americanos, pelo nome de J.B e Luiza, que moravam na rua Coronel Bordini 885, em Porto Alegre (será que o Apostolo, teria sobrevivido sem a ajuda do Henryque??? Nunca saberemos!) A história da Igreja é cheia de pessoas assim, que ficam no “plano de fundo”, mas que com seus gestos e fé, mudam o percurso da história em favor do povo de Deus! Tem pessoas nesse momento, que estão orando por mim e pela obra de Deus... seus nomes nunca serão conhecidos, mas em Espírito, eles repreendem os diabos e demônios que desejam o mal do povo de Deus. Domingo quando eu for pregar, eu sentirei a unção de Deus, conquistada por eles, ao meu favor... (e eu nem sei quem eles são a fim de agradecê-los)! Sim, precisamos de lideres, homens de grande estatura espiritual... mas não vamos esquecer, de que igualmente importante, são essas milhares de pessoas, que com sacrifício e fidelidade, tem dado o seu melhor, para que a Igreja hoje, seja o sucesso que ela é! Aos nossos "Josés, Joaquim, Felipe, Joana, Maria, Eva, Carlos”... MUITO OBRIGADO!
Robert Cleveland Lambeth

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

O Bom e o Ruim...

Quem é o “pai bom ou o pai ruim”? Quem é o “professor bom ou o professor ruim”? Quem é o “amigo bom ou o amigo ruim”? Quem é o “Pastor bom ou o Pastor ruim”? Perguntas, perguntas e mais perguntas! Eu descobri, que a resposta para essas perguntas mudam, de acordo com o tempo! Quando somos crianças ou adolescentes, pensamos que o "Pai bom", é aquele que concorda com tudo, que não impõe nada, o Pai que sempre diz sim! Contudo, ao passar o tempo, descobrimos que o nosso caráter é falho, e que em nós há ausência de alguns valores, que só seriam implantadas em nós, pelo “Pai ruim” (aquele que dizia “não” quando queríamos ouvir um “sim”!). O "professor bom" é aquele que “aprova” todo mundo? Que não exige nada? Com certeza, esse é o professor mais popular da escola! Até o dia em que você vai prestar um vestibular e descobre que o “professor bom” não te preparou para aquele desafio! O "amigo bom", é aquele que diz o que queremos ouvir, ou o que diz o que precisamos ouvir??? Você decide. E o Pastor... qual é o “bom” e qual é o “ruim”? Novamente, essa opinião muda com o passar do tempo! Em certas fases da vida, pensamos que o "Pastor bom", é aquele “popular”, "brincalhão", que "prega bem – (mas não prega “nada")”, até que vem o inimigo, as lutas e descobrimos que não estamos preparados para vencermos aquela situação! Não sou contra “Pastores populares ou alegres e brincalhões”, afinal de contas, me considero um deles, mas por outro lado, precisamos de homens que tem a visão de Deus e que nos falam a verdade, e que expõe a vontade de Deus, clara e objetiva, para a nossa vida! Pastor bom, não é aquele que sempre fala o que queremos ouvir... as vezes, precisamos de alguém que fala o que precisamos ouvir! Nossa carne é indomável, sem a ajuda de Deus, e de um homem de Deus que impõe os limites divinos em nossa vida! Queremos alguém que nos bajula, ou que fala a verdade? Queremos alguém que só passa a mão “por cima” de nós, ou alguém que nos corrige (com amor, é claro!). O triste da história, será no dia do juízo, onde alguns descobrirão (tarde demais), que o Pastor “bom” ... na verdade era “ruim”!
Robert Lambeth

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

MUITO OBRIGADO!!!

- No dia 01 de setembro, eu postei o meu primeiro artigo nesse blog! Foi o dia da minha "inauguração" nesse novo (pelo menos para mim) meio de comunicação. Passados 15 dias, já recebi mais de 1000 visitas! Eu só tenho que agradecer a todos vocês (meus amigos anônimos) que me prestigiam a cada dia, visitando o meu blog! Isso significa quase 90 "hits" por dia! Toda a glória seja ao Senhor Jesus, afinal de contas, meu maior objetivo com esse blog, é fortalecer o "corpo de Cristo"! MUITO OBRIGADO A TODOS! E por favor, continuem a me ajudar a divulga-lo!
- Dentro de poucas horas, estarei postando na "barra" ao lado direito da tela, um quadro, com o relato diário de saúde da Missionária Louise Lambeth, que por sinal, continua internada na UTI em estado crítico! Muitas pessoas tem ligado, mas como nem sempre posso atender a todos, achei melhor postar a laudo médico diário! Obrigado por suas orações em favor dessa grande mulher! Aguardem...

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Igreja Dinâmica!

Essa semana, alguém usou a palavra “Igreja Dinâmica” e isso ficou em minha mente, e comecei a tentar definir para mim mesmo, o que é uma Igreja Dinâmica??? Ao brincar com essa palavra “Dinâmica” descobri, de que a raiz dela (dinam) é a mesma usada em outras palavras como: dínamo, dinamite e etc. Eu me lembro quando era criança, em minha bicicleta, no pneu da frente tinha um dínamo... era um pequeno motor mecânico, que ao ser girado (com o movimento da roda) produzia energia para ascender um pequeno farol, na frente da minha “bike”. Dínamos produzem energia com o movimento, e um movimento causado pelo atrito! Agora, voltando a nossa pergunta inicial: o que é uma Igreja Dinâmica? No meu ver, é um “corpo” que está sempre em movimento, que produz "Poder" suficiente para ascender a lâmpada no coração e na visão dos homens... não esquecendo, de que esse movimento as vezes é gerado por atrito (tem coisas que só se mexem, quando impulsionadas a se mexer – isso causa atrito). Quando tudo isso acontece, o próximo passo é: UMA EXPLOSÃO, DE GLÓRIA E UNÇÃO (como uma DINAMITE). Você quer uma Igreja Dinâmica??? Então se mexa, faça alguma coisa... logo, você terá energia para impactar vidas (é isso que eu quero: IMPACTAR VIDAS)!!! Esse é o segredo...
Robert Cleveland Lambeth

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Grande Dia da Familia Apostólica





Ontem foi realizado no Acampamento Manaaim, da Igreja do Nazareno de Campinas, o Encontro da Familia Apostólica, com a participação de irmãos de toda a RMC (Região Metropolitana de Campinas). Pela manhã, tivemos um poderoso culto, depois um maravilhoso almoço e a tarde, gincana com o Departamento das Irmãs, Brincadeiras para os Jovens, pescaria para os Homens, teatro biblico para as crianças... foi algo tremendo! Essas fotos, são só para você ter uma "pequena" idéia de como foi especial esse dia. Na verdade, é dificil colocar no blog, (fotos ou o que for), que descrevam a grandeza desse encontro. Vamos aguardar em breve a realização do II Encontro da Familia! O Preletor do dia foi o Pastor Anderson Boeira.

sábado, 12 de setembro de 2009

Ponderações Sobre Nossa 1a Enquete!

Finalmente chegamos ao final da nossa primeira enquete. Dos participantes, 91% disse não e 9% disse sim, a pergunta: “pode alguém ser salvo e não estar vinculado a uma Igreja?”. A princípio a pergunta é simples, mas quando analisada com mais cuidado, vemos a profundeza desse tema relevante. Pelo que pude entender, a grande maioria das pessoas afirmam que: “crentes caseiros não serão salvos!”, “pessoas que apenas lêem a bíblia e escutam hinos, sem ir à Igreja e se submeter a um Pastor, não subirão no arrebatamento!”... é isso??? Bem, eu também creio dessa forma! Eu acho que a porta de salvação para a raça humana, é a Igreja! Sim, é Jesus que nos salva, mas ele usará a Igreja, para fazer essa obra de redenção e aperfeiçoamento em nossa vida. Em efésios 4:11 - 12 está escrito: “E Ele (Deus) mesmo deu uns como Apostolos, Profetas, Evangelistas, Pastores e Mestres, tendo em vista o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do Ministério e a edificação do corpo de Cristo”. Essa escritura já diz tudo... aqui Paulo fala sobre o Ministério, o aperfeiçoamento, o corpo e tudo isso se resume a que? A Igreja! Onde é que esse ministério aperfeiçoador atua? Na Igreja! Nenhum galho desligado da árvore, sobreviverá por muito tempo! Outro argumento, para defender essa tese, é de que a “Fé vem pelo ouvir e o ouvir da Palavra de Deus” e precisamos de um “pregador” em nossa vida para gerar esse sentimento em nosso coração. Lembre-se “sem Fé, é impossível agradar a Deus”. Homem nenhum, consegue enxergar as suas falhas e os seus defeitos, sem que haja alguém com autoridade de Deus, pregando a Palavra de Deus (a luz que ilumina a nossa vida). Temos que estar sujeito a autoridade constituída por Deus. A Igreja fornece para nós um lugar onde podemos nos enxergar melhor, ao ouvir a palavra de Deus. A Igreja cura a nossa alma e sara as nossas feridas. A verdade é, crentes caseiros, são anêmicos e amargurados e cheios de coisas na sua vida que precisam ser consertados. II Cron 7:12, Deus diz que a sua casa “seria casa de sacrifício”... carne nenhuma quer ir num lugar como esse (sacrifício = dor = morte)... mas é nesse lugar que deixamos de ser carnais e passamos a ser espirituais! Alguma coisa em nós tem que morrer, antes que o Espírito de Deus possa nascer. Pessoas avessas a Igreja, pessoas que odeiam Pastores e autoridade, na verdade são pessoas que tem problemas de rebeldia e insubmissão (pecado de rebeldia é pior que o de feitiçaria). Eu preciso da Igreja, você precisa da Igreja... ninguém é isento. Já ouvi muitos dizerem: “não estou congregando, mas estou bem com Deus!” Que mentira doida essa! Como estar bem com Deus e não estar de bem com o seu corpo (Igreja)??? Em algum lugar, a sua falha foi iluminada, e ao invés de mudar, melhorar ou consertar o erro, alguns preferem ficar em casa (convivendo com a sua falha!). “Ainda que o seu ódio se encubra, na CONGREGAÇÃO será revelada a sua malícia” (Prov 26:26) Pessoas assim, usualmente se justificam dizendo: “eu não vou a Igreja, pois ela é cheia de defeitos!” E porque será que ela é cheia de falhas? Talvez seja porque a Igreja é formada por pessoas, seres humanos, e nós temos tendências defeituosas (a Igreja é perfeita... mas as pessoas que congregam nela não são). Eu costumo dizer: “a Igreja não é lugar para os fortes e perfeitos e sim um lugar para os fracos e imperfeitos”. Jesus disse, “eu não vim para os sãos, eu vim para os doentes!”... E mesmo que haja na Igreja, defeitos (é melhor estar na arca cheia de animais e cacácas, do que do lado de fora no dilúvio), falhas, panelinhas, divisão, a Igreja ainda é a única esperança de salvação para o homem... Por que Deus escolheu a “loucura da pregação, para salvar os que crêem” e é na Igreja que isso acontece! Eu sei que agora depois dessas palavras, alguns acham que estou sendo um pouco prepotente e arrogante, mas creia você amigo, sem a Igreja na sua vida, você morrerá em seus delitos! “Não deixando de congregar como é costume de alguns (igreja), mas admoestemo-nos uns aos outros (pregação da palavra), tanto mais quanto vedes que se vai aproximando aquele dia (a vinda do Senhor). Heb. 10:25
Cristo vem buscar uma Igreja (noiva) e não indivíduos... somos parte do corpo, ao estarmos em comunhão com a Igreja!
Robert Cleveland Lambeth

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Expo Cristã 2009

Hoje eu e o Bispo John, vistamos a Expo Cristã 2009, a maior feira de serviços e produtos para cristãos da América Latina, realizado no Centro Expo Norte em São Paulo. Eu particularmente, gosto muito de feiras (de todos os tipos) ainda mais essa, que expôs e promoveu artigos de meu interesse. De certa forma, fiquei um tanto surpreso, com as muitas novidades apresentadas. Lá podia-se comprar desde um “terno sob medida” até o ultimo lançamento do CD do grupo “Voz da Verdade”. Vi muitas pessoas “importantes e famosas”, como o “Apostolo Estevão Hernandes e a Bispa Sônia”, até o maluco “DJ Alpiste” estava lá... todos tentando vender o seu produto. Por outro lado, confesso que fiquei bem apreensivo, com o espírito materialista que senti nessa feira. Todos sabemos que o movimento que mais cresce no Brasil, são os “evangélicos”. Estes hoje dominam muitas áreas de nossa sociedade e supostamente, essa feira, foi criada para expor os sentimentos e as conquistas dessa turma... E foi isso que me deixou nervoso, afinal de contas, eu vi muito se falar em homens (pregadores), ministérios, cantores, fama, moda (carne, carne, carne)... mas vi muito pouco de Deus naquele lugar. Não, não sou um invejoso e amargurado, que só sabe criticar, mas sou alguém preocupado com a direção que a “Igreja” de modo geral está indo. Quando o foco da “Igreja” deixa de ser Deus, então ela perde a razão da sua existência... Todos queriam autógrafos, posar em fotos com os “ricos e famosos”, mas será que esse é o comportamento que agrada a Deus. Sim, eu creio e prego prosperidade, mas a verdadeira prosperidade deve colocar Deus em evidência a não o homem! Essa é a 4ª Expo Cristã consecutiva que eu visito e cada ano, tenho notado coisas diferentes... contudo, ultimamente eu tenho notado um declino espiritual, moral e visionário desse movimento, e isso é preocupante (afinal de contas, supostamente eu sou um “evangélico”). Espero que você não interprete mal minhas palavras, mas a "Igreja" não pode perder a sua humildade e a sua missão. O nosso foco, sempre deve ser Cristo e ele crucificado! “Deus escolheu as coisas vis deste mundo e as desprezíveis, e as que não são para aniquilar as que são, PARA QUE NENHUMA CARNE SE GLORIE NA PRESENÇA DELE (I Cor. 1:28 – 29). Eu não acredito que alguém rebolando e rimando um rap com a palavra “Cristo”, traz edificação para a Igreja! Tem coisas que nunca deveria de ter sido introduzida na Igreja (e o rap é uma delas). Não sou Deus para julgar, mas tenho bom senso em saber que essas coisas não trazem glória a Deus! A verdadeira Igreja, não precisa de luzes, fumaça, laser, coreografia, "crentenetes" semi nuas, rebolando como no faustão, para impactar a nossa geração... a única coisa que precisamos, é da glória de Deus! Também não quero de forma alguma generalizar tudo e todos que estavam nessa feira... nesse meio, há muitas pessoas sinceras, como o "Abner", um jovem Menonita, que mora no interior de SP, e está tentando resgatar jovens das drogas e levá-las a Cristo! Deus te abençoe, Abner... mantenha a tua visão e a tua simplicidade! Finalizando, peço perdão pela minha franqueza de palavras, mas dentro de mim, arde uma sincera preocupação: “onde tudo isso vai parar?” Não podemos mudar o mundo e os rumos de certas coisas... mas vamos pelo menos, manter os nossos olhos bem abertos e atentos... para que esse espírito não entre em nós! Acho que já escrevi demais por hoje... e a você que quer saber se vou na Expo Cristã em 2010? ... Se estiver vivo, tentarei chegar lá, afinal de contas, eu gosto de feiras!!!
Robert C. Lambeth

Edificando a Igreja II



Ontem tivemos o nosso II Edificando a Igreja, no templo da IAB no Campo Grande em Campinas, SP. Foram 5 horas de grandes ensinamentos biblicos e revelações do reino de Deus. Tivemos a honra de contar com a preleição, do Rev. Bispo Dr. John B. Lambeth, presidente nacional de nossa Igreja. Foi algo tremendo!!!! Esse ano, o Edificando a Igreja, contou com a honrosa presença de vários ministros entre eles: pastores, obreiros, lideres e suas esposas! Todos foram grandemente abençoados.








Bispo John Lambeth iniciando o seu estudo sobre o plano financeiro de Deus para a Igreja!

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

O preço é o mesmo...

Lembrei-me hoje de um conto que ouvi á muitos anos atrás em uma aula de escola dominical (isso faz muito tempo!!!). Diz a história, que um pobre homem Inglês, vendeu tudo que possuía, a fim de tentar a sorte no “novo mundo” chamado América. Ele usou boa parte do seu dinheiro para comprar as passagens no único meio de transporte da época, o navio. Ao embarcarem no transatlântico, eles foram encaminhados ao seu quarto e ali ficaram, por quase toda a viagem. Com medo de passar fome no caminho, eles estocaram pão, queijo, água e outras guloseimas antes de sair de casa. Depois de muitos dias de viagem, eles finalmente chegaram ao seu destino e ao desembarcarem, foram saudados pelo capitão do navio que disse a eles: “em toda essa viagem, eu não vi vocês nenhuma vez no restaurante comendo, ou na sala de jogos se divertindo”. A resposta do pobre camponês foi: “sr. temos pouco dinheiro, e estávamos guardando esse dinheiro para investir em nossa nova vida e nesse novo país”. O capitão replicou dizendo: “Oh senhor!!! a passagem que vocês compraram incluía todas as regalias que o navio proporciona, como: comida, pouso, diversão e etc”!!! Esse pobre homem, que se esforçou tanto para embarcar no navio, logrou a si mesmo de todos os benefícios que a sua passagem lhe concedia! Não é assim com muitos cristãos??? As vezes nos concentramos tanto nos sacrifícios que fazemos para servir a Deus... nas renuncias e nas coisas que temos que deixar para trás, e esquecemos dos MUITOS privilégios que essa “viagem com Jesus” nos oferece! Sim a passagem é cara... ela custa fidelidade total, compromisso, renunciar a si mesmo... mas os benefícios são os melhores possíveis! Alguém perguntou a Jesus: “o que ganhamos ao te seguir?” Jesus respondeu: “100 vezes mais nessa terra, e ainda por cima a vida eterna”. Sim o percurso é longo e as vezes cansativo, mas Ele nos dá “poder” e “autoridade” para vivermos uma vida de vitória! Viver com Jesus e para Jesus é a melhor escolha que alguém pode fazer. Às vezes a estrada tem buracos, pedras e dificuldades, mas ele nos dá força para superar todos os obstáculos! Não está na hora de você começar a aproveitar as regalias da viagem? Não está na hora de você mudar a sua atitude e pensamento, no que se refere o servir ao Senhor? Não está na hora de você ser feliz? Vamos parar de reclamar e aproveitar... O PREÇO É O MESMO!!!
Robert Cleveland Lambeth

domingo, 6 de setembro de 2009

Vale a pena ler!!!

Estou postando um artigo muito interessante escrito pelo meu querido sobrinho Pr. John Lambeth Jr, pastor da IAB em Esteio - RS! Leia com atenção... Vale a pena!

Apesar...
Cantares 2:15 Apanhai-me as raposas, as raposinhas, que fazem mal as vinhas, as nossas vinhas que estão a flor.
Lendo o livro “fora do cativeiro”, conta a historia real de três americanos que foram seqüestrados pelos guerrilheiros FARC da Colômbia e passaram 5 anos no cativeiro em meio a selva colombiana. Aprenderam de tudo e viram de tudo neste período. Mas o que mais chamou atenção deles foi à inocência dos guerrilheiros em discernir o verdadeiro problema.
Porque problema? Pela simples razão que a cada 15 dias mais ou menos durante a noite, caças, helicópteros do exercito colombiano viam e despejavam suas bombas precisamente nos alvos inimigos, e o acampamento era totalmente destruído, era um salve-se quem puder. Forçava os guerrilheiros estarem sempre em constante movimento selva adentro para se salvarem. E nestes cinco anos de cativeiro foi sempre assim, uma incrível precisão nos alvos atacados durante as noites.
Estes três americanos observaram que durante o dia a dia um planador (avião sem motor) pequeno, simples, sem barulho, aos olhos dos guerrilheiros inofensivo, sobrevoava o dia inteiro a selva, indo e voltando de La pra ca e de ca pra la, todos os dias. Os reféns falaram aos guerrilheiros, que por sua vez durante o dia tomavam banho no rio, jogavam bola, brincavam tudo ao ar livre dizendo, quem vocês tem que ter medo é daquele aviãozinho pequeno ali em cima. Eles sempre riam, e diziam, aquele ali nunca nos fez mal nenhum e não é mal como os outros que vem a noite cospem fogo sobre nos. Aquele ali nunca nos fez nada! Nossa estratégia é tentar bloquear os grandes que a noite nos atormentam e nos trazem grande perdas, e não este ai que nada mais é do parecido como um pássaro que voa sem incomodar a ninguém.
Os guerrilheiros não sabiam o que os reféns estavam querendo dizer que aquele planador apesar de simples e pequeno, era super equipado com aparelhos de laser, infra-vermelho, câmeras de videos etc e tal que tirava foto de tudo e todos e pegava precisamente as posições dos alvos que a noite seriam atacados. Pois quando retornavam de sua missão aquele pequeno e simples planador, davas as coordenadas exatas para o ataque destrutivo contra os guerrilheiros, para seus companheiros dos caças e helicópteros que nada mais faziam do que seguir as coordenadas recebidas e cumprir mais uma missão bem sucedida destruindo por completo os alvos propostos. Bem que tentaram avisar, mas por ser pequeno e inofensivo comparado aos outros não deram bola.
Salomão, um dos homens mais sábio que terra jamais teve disse: São as raposinhas que destroem as vinhas. Porque será? As raposas apesar de serem carnívoras (que se alimentam de carne) eles também se alimentam de frutos. E um deles em especial é a Uva. Uma raposa adulta até consegue subir facilmente a parreira e pegar o que quer e ir embora sem causar muitos danos a vinha, mas as raposinhas filhotes por serem pequenas se frustram por não conseguir a subir e acabam roendo o caule La embaixo por frustração, e o que ocorre? a parreira inteira morre. Por isso o sábio Salomão disse: tens que cuidar é com a raposinhas.
E o que mais me chama a atenção, é que neste versículo diz que “a nossas vinhas que estão em flor”. Sabe que isto significa? Sempre depois da floração, vem o fruto.
Como Pastor envolvido diretamente na igreja, reconheço a pressão dos últimos dias sobre os nossos pastores e Bispos, problemas após problemas para manter uma igreja avante e santificada. Uma avalanche interminável de desafios a todos e em todos os campos, mas creia no que digo hoje “Apesar” disto tudo, a nossa vinha esta em floração e cabe a nos cuidar que as raposinhas (pequenas coisas) não entrem em nosso meio e matem nossa vinha que esta tão próxima de nos dar os frutos do nosso tão sonhado avivamento.
O dicionário Aurélio define muito bem o titulo acima “Apesar”: indica oposição a uma outra idéia exposta, mas que não é impeditiva (ex.: apesar de ser difícil, vou tentar).
Apesar da dificuldade, cabe nos pastores,obreiros, membros dar o nosso melhor e cuidar da vinha que Deus tem nos dado. Apesar da opressão maligna, cabe a nos tentar a cada dia, pois em breve o fruto ira nos recompensar.
Uma dica de como manter raposas (ou qualquer outro animal selvagem) distante de seu acampamento, é bem simples. É só colocar uma fogueira e por eles terem medo do fogo eles ficam bem longe do seu acampamento. (Talvez por isso Sansão teve tanto sucesso contra os filisteus aquele dia, uniu o fogo a própria raposas que tem medo de fogo... resultando em muita destruição ao inimigo). Aonde eu quero chegar com tudo isso? Como está o fogo do Espírito Santo em sua igreja? Aceso? Meia boca? Só umas brasinhas? Não podemos culpar a ninguém a não ser a nos mesmos pelo resultado que nossas vinhas tem apresentado.
Vamos ser honestos com nos mesmos. Apesar dos apesares, a vinha esta florescendo. Nunca houve tantos visitantes e almas vindas do nada para escutar a palavra de Deus em nossos cultos, pessoas com fome e sede pela palavra. A pergunta que me resta fazer é: tens orado, jejuado, lido a bíblia, ido de atrás destas almas?
Nossa vinha esta florescendo, logo os frutos estarão vindo, cabe a nos manter a chama acesa, o amor um para com o outro, união, dedicação, consagração e tantas outras coisas que por serem pequenas as vezes passa despercebida, mas lembre-se são as pequenas raposinhas que destroem a vinha.... que floresce!
Pr John John Lambeth

sábado, 5 de setembro de 2009

Trabalho Missionário!

Recebi essas fotos do meu amigo Pr. Gessé Guimaraes de Sta. Maria no RS. Esse é um dos trabalhos missionários que eles fazem. Em anexo, encontrarás fotos de parte de sua Igreja indo (de onibus) a Cidade de São Pedro do Sul, evangelizar as pessoas daquela Cidade! Muitas almas tem se achegado a Deus naquela região do nosso País! Vamos orar por eles...



sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Rapidinhas!



Semana que vem, teremos o Edificando a Igreja, em Campinas, no templo da IAB do bairro Campo Grande. Desta vez, contaremos novamente com a ilustre participação do Rev. Bispo Dr. John Lambeth, Presidente Nacional da IAB! Serão dias de crescimento espiritual para a nossa Igreja. Depois do evento, vou postar as fotos... aguarde! Também, quero dizer que fico grandemente emocionado cada vez que reflito na profundeza do tema de nossa enquete! Você já particiou da enquete? Espero que sim... eu quero ouvir a sua opinião! Até aqui, todos estão dizendo: "não há salvação para ninguém fora da Igreja"! Essa afirmação coloca uma grande responsabilidade sobre os nossos ombros em prezar e valorizar ainda mais a casa do Senhor! Semana que vem, darei um parecer completo sobre essa questão! Até lá... Estou deixando algumas fotos da ultima viagem que fiz ao sertão de Pernambuco, na Igreja do meu amigo Pr. Ivan Esmeraldindo do IATI/PE! Um abraço e um GRANDE FINAL DE SEMANA A TODOS!

Enquete!

Lancei uma pequena enquete, para saber a opinião dos leitores sobre um tema muito profundo: "a importancia da Igreja em nossa vida". Mais e mais eu tenho notado um desinteresse, por parte de algumas pessoas, para com a casa de Deus! A pergunta é: você acredita, de que há salvação para alguém que não esteja vinculado a Igreja? Alguns dizem: "eu sirvo a Deus do meu jeito e eu não preciso da Igreja, não preciso de um Pastor!" Essa afirmação é correta? Alguém pode ter comunhão com Deus, sem estar em comunhão com a Igreja??? Há vida espiritual fora do corpo (Igreja)? A enquete encontra-se em anexo direito (abaixo) no blog! Obrigado por participar. Semana que vem, darei o meu parecer sobre o assunto.

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

As 3 Provas de Jó...

Alguns teólogos dizem que o livro de Jó é o mais antigo da Biblia, enquanto outros afirmam que ele foi escrito na época de Daniel. De qualquer maneira, esse livro (ou história) tem sido usado a anos, em mensagens e ensinamentos bíblicos em muitos lugares. Temos muito o que aprender com esse personagem pelo nome de Sr. Jó!
Na época dele, ele era um dos homens mais ricos da terra (maior do oriente). Ele tinha 7 filhos e 3 filhas, 7000 ovelhas, 3000 camelos, 500 juntas de bois e muitos empregados! Ele e sua família viviam uma vida regada de alegria e MUITA festa! Cada dia, era festa na casa de um dos seus filhos!
Mas o dia da prova chegou (e como é triste quando ela chega!!!).
A primeira prova de Jó, começa (cap 1:6), quando os filhos de Deus se apresentaram perante o Senhor e junto a eles, veio satanás (isso em si, já é um mistério – alguém sabe me explicar essa parte?). Deus faz a propaganda do seu filho fiel, pelo nome de Jó, e diz: "NÃO HÁ NINGUÉM COMO ELE!!!" (que elogio bacana para se receber de DEUS). Ele é reto, integro, teme a Deus e se aparta do mal! Satanás diz: "será que ele te teme em vão?" "O Senhor tem protegido ele de todos os lados... toca em tudo que ele possui, e vê se ele não te amaldiçoará na tua face!" Deus disse: “tá bom, toca em tudo, menos no seu corpo”. E NUM DIA, O SEU MUNDO MATERIAL CAIU POR TERRA! Era um mensageiro após o outro, trazendo noticias ruins... Ele perdeu as ovelhas, gado, camelos, casas e até os filhos!!! ESSA ERA A PRIMEIRA PROVA DE JÓ! Qual foi a reação dele??? (Ver 20) "ele raspou a cabeça, rasgou as vestes, lançou-se ao chão e DEU GLÓRIA A DEUS!"
NESSA PROVA, ELE TIROU NOTA 10!!! Mas a prova numero 2 já estava a caminho! Capitulo 2, mais uma vez Deus se reúne com o seu povo... lá estava satanás... e o orgulhoso Deus, fala ao diabo, da fidelidade do seu servo amado (apesar de tudo que havia acontecido com ele)! Eles trocam algumas observações sobre o fato e logo o diabo mais uma vez propõe a Deus um novo ataque! "Pele por pele", disse satanás, "tudo o homem dará pela sua vida! Se eu tocar no corpo dele, ele blasfemará de ti na tua face" (esse era o objetivo principal do diabo trazer dor e vergonha ao coração de Deus). A resposta de Deus foi: "pode tocar em tudo, menos na sua alma"... imediatamente, Jó ficou canceroso dos pés a cabeça! Que situação difícil... que prova essa hein??? Até a mulher dele disse: “amaldiçoa esse teu Deus e morre”. E mais uma vez, Jó tirou nota 10, ao dizer: "se Deus dá, porque ele não pode tirar?" (2:10) No meio dessa luta, ele ainda conseguiu dar glória a Deus!!!
Agora vamos entrar na parte mais critica da história, pois é nessa prova que nós vamos ver Jó enfrentando a sua maior dificuldade! Por 7 dias, Jó faz um jejum de silencio, ele nada fala... só medita em todos esses acontecimentos (as vezes é perigoso, pensar nos problemas da vida!). Nesse meio tempo, aparecem alguns amigos e se assentam ao redor de Jó, e ali ficam, olhando a situação... tentando encontrar uma reposta para esse dilema! Dali para frente, vemos Jó, tentando desvendar esse mistério e nesse momento ele entra na sua 3ª Prova, que eu chamo de “TEMPO”.
Veja bem, as primeiras duas provas de Jó, ocuparam apenas 2 capitulos desse livro, a 3ª prova de Jó ocupou 41 capitulos! Foi nessa 3ª prova que Jó disse: “estou exausto” (16:7) e também foi nesse momento que ele se refere ao tempo da prova (ou do silencio de Deus) pois ele diz: “se eu pudesse voltar a ser o que era nos meses passados” (29:2). Nós não sabemos (a Biblia não fala) quantos dias Jó ficou nesse estado de miséria. Veja bem, passar pela prova (bate-volta) não requer tanta fé, mas viver na prova, passar tempo no vale... põe qualquer fé a prova! Passou-se meses, e não houve mudança! Ele e os seus amigos passavam o dia debatendo para ver a causa o motivo dessa dor tão grande! Os amigos de Jó diziam: “você pecou, e por isso, Deus mandou isso na sua vida”! Jó dizia: “eu não tenho pecado” e no fim todos estavam enganados... Jó não era perfeito, e nem Deus estava punindo ele pelos seus pecados! Era simplesmente uma prova. Na verdade, esse debate se travava, porque passava-se os dias (TEMPO), e não havia mudança positiva nessa situação. Ele ainda continuava pobre, canceroso e abandonado por todos! O TEMPO, é o que mais apaga a Fé, daqueles que estão na fornalha! Foi nesse momento que ele disse: "Ah, se eu soubesse onde encontra-lo... onde fica o tribunal dEle? eu iria e exporia a minha causa" (23:3) Foi nessa hora que ele disse também: "procurei Ele na minha esquerda e não o encontrei, na direita Ele não estava"(23:8-9). O TEMPO nos faz falar coisas, pensar coisas... O TEMPO nos faz questionar a fidelidade de Deus. O TEMPO nos faz questionar a importancia da Igreja na nossa vida (pessoas que ficam em casa em dias de culto, normalmente estão cansados da prova... o TEMPO rouba-lhes a força). O TEMPO nos faz questionar a doutrina da Igreja (porque ser fiel, se mesmo sendo fiel, andando na doutrina, eu passo por isso???) O TEMPO nos faz questionar a importancia do Homem de Deus na nossa vida! Não é por acaso, que "SER FIEL ATÉ O FIM", é o requisito de salvação mais dificil (e longo) de cumprir! Os problemas constantes da vida, a luta diária, tem apagado a fé e a visão de muitas pessoas! Qualquer um pode suportar a luta que "VEM E PASSA".... MAS POUCOS SÃO AQUELES QUE SUPORTAM A LUTA QUE VEM E FICA! Tem pessoas que estão lutando a anos... e você que está nessa situação, saiba que Deus enxerga tudo isso! O dia da revanche virá... e o seu estado final, será maior e mais glorioso do que o estado inicial... isso é se você conseguir vencer a prova do TEMPO!
RCL

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Fidelidade e Infidelidade...

Alguém me disse esses dias, que estava um pouco decepcionado com a vida, pois tinha feito um voto de fidelidade a Deus (em certa área de sua vida), e ainda não tinha recebido nada em troca! Isso acontece muito nos dias de hoje. Já ouvi pessoas dizerem: “vou dar essa oferta hoje, e Deus vai me dar em dobro amanhã”. Não é assim que as coisas funcionam! Também já vi pessoas dizerem: “se você sair da Igreja, Deus vai te dar um câncer”. Amigos, fidelidade e infidelidade são apenas sementes... plantamos hoje, mas nem sempre colheremos os frutos dela amanhã! Sim, ser fiel tem uma recompensa, como ser infiel também tem! Para as pessoas que pensam que quando entrarem em uma Igreja tudo vai mudar para melhor (do dia para o outro), estão tão enganados quanto aqueles que pensam que ao abandonar a casa de Deus haverá devassa e destruição repentina a sua vida! O tempo é o que faz brotar todas as sementes que plantamos... e pela lei da colheita, tudo que plantamos... colheremos!

terça-feira, 1 de setembro de 2009


Minha preciosa familia! Rosangela, Jennifer, Mariane e Leiliane...

Vou tentar...

Depois de tanto ouvir falar em blogs, websites e etc, decidi tentar subir um degrau e investir um pouco nessa área. Na verdade, vou usar esse espaço apenas para divulgar algumas idéias e pensamentos pessoais ligados com a obra de Deus. Por equanto, vou dar passos pequenos, por isso, tenha paciencia comigo!